Escola

Como montar a lancheira perfeita

Não sei para você, mas a hora do recreio é um desafio para mim. Tenho duas crianças em casa que levam lancheira e por eles teria doces, salgadinhos e suco de caixinha todos os dias. Encontrar um equilíbrio saudável entre o gostoso e o que faz bem é o nosso maior desafio, por isso reuni algumas ideias para fazer a hora do recreio melhor para mães e filhos.

Para começar “A Lancheira”

As com revestimento térmico são as ideais porque conservam o alimento o mais fresco possível. Um bloco de gelo em gel deve ser usado para manter a temperatura dentro da lancheira. Ela precisa ser limpa diariamente com um pano úmido e secar em local arejado antes de ser guardada. Lave-a pelo menos uma vez ao mês. Escolha um modelo fácil de carregar e que combine com a faixa etária do seu filho, não esqueça de identificar a lancheira com o nome. E não exagere no tamanho do lanche, o recreio é rápido e se você mandar muita coisa não vai dar tempo de brincar.

Bebidas

Um squeeze com tampa que não vaza ou garrafa térmica são os melhores amigos do planeta e do seu bolso. Caixinhas de suco ou achocolatados são mais caras e poluem mais quando estão em suas versões individuais. Nas minhas tentativas de bebidas mais saudáveis, consegui mandar água de coco, limonada, suco de maracujá e abacaxi feitos em casa, mas quando não dava tempo eu mandava água gelada mesmo. Sucos integrais também são boas alternativas, pois são fáceis de encontrar, não tem todo o açúcar dos sucos tradicionais de caixinha, e possuem variedade de sabores. Não esqueça de lavar bem o squeeze e guarda-lo limpo e seco. Saiba mais sobre como lavar squeeze.

hora do lanche sanduicheComidinhas

Essa é a melhor parte! Uma fatia de bolo simples feito em casa, uma porção de tomates cereja, um sanduiche natural, um pedaço de torta de frango, um saquinho de pipoca feita na panela, são tantas as opções! Se você se programar, você consegue preparar esses lanchinhos sem aperto.

As frutas como maçã e banana são coringas por serem baratas e agradarem a maioria das crianças, mas tente variar para que elas não enjoem. Mande uvas ou morangos lavados num potinho, uma mexerica descascada, pera, ameixas, pêssegos, caqui, rodelas de abacaxi, uma laranja serra dágua descascada cortada ao meio, coco em pedaços, você pode até mandar uma salada com tudo o que o seu filho gosta.

Para as crianças que não são alérgicas, mix de castanhas são ótimas para variar o cardápio.

Preparação

Faça feira, lá você terá muita variedade e preços melhores, se não tiver feira na sua cidade, você pode ir ao mercado ou ao sacolão, nesse dia compre todas as frutas para o consumo da semana e para o lanche das crianças. Mande primeiro as frutas que estragam mais rápido como os morangos e nos outros dias, frutas como as maçãs e ameixas que são menos perecíveis.

No fim de semana eu compro tudo o que preciso e já faço a torta de frango ou palmito em versões individuais e congelo, depois é só tirar do freezer e colocar no potinho para descongelar. O pão para o sanduiche eu também congelo, ele fica perfeito como se tivesse acabado de ser comprado. Um bolo simples também é um ótimo aliado para a hora do lanche, são tantos sabores, não tem como enjoar.

Faça uma lista das coisas que seus filhos gostam de comer e não esqueça de avaliar se esses alimentos vão resistir até a hora do lanche, use um cardápio semanal para ficar mais fácil de lembrar o que mandar todos os dias.

Hora do lanche lancheiraPeríodo integral

Você poderá mandar qualquer uma das opções citadas anteriormente (mais perecíveis) no primeiro lanche. Já no segundo prefira água de coco, sucos integrais ou água porque suportam ficar fora da geladeira por mais tempo. Para comer, prefira frutas com casca, castanhas, bolos, sanduiches, chips de legumes desidratados, entre outros. Use alguns blocos de gelo em gel para conservar melhor os alimentos e não esqueça de orientar seu filho qual lanche comer primeiro.

Cantina

A maioria das escolas tem cantina, algumas estão tão modernas que cada aluno tem seu próprio cartão de débito para consumo. Vale a pena acompanhar os produtos que elas oferecem e o valor pago por eles para não doer no bolso e ter certeza que eles não estão gastando todo o dinheiro em doces. Apesar do preço cobrado pelos produtos, ainda acho que a cantina é uma mão na roda naqueles dias mais atrapalhados que não dá para mandar lanche.

Você tem mais alguma dica para dividir com a gente? Escreva nos comentários, nós vamos adorar saber como você prepara o lanche para o seu filho.

 

Leave a Reply

Instagram